Home » Crenças limitadoras: Por que todo empreendedor deve combatê-las
dicas de auto-ajuda para emprenededores de Altair Alves

Crenças limitadoras: Por que todo empreendedor deve combatê-las

Você já deve ter ouvido falar que o pensamento positivo é a chave para o sucesso, certo? Essa ideia soa muito bem para as pessoas, e invariavelmente pode contribuir muito para suas conquistas pessoais e profissionais. Ocorre que nossa mente é capaz de nos pregar inúmeros truques, que podem distorcer facilmente os fatos e a nossa razão. Alguma vez na sua vida você já deve ter falhado e, como consequência disso, procurado alguma válvula de escape para justificar ou, até mesmo, esquecer de um erro cometido, simplesmente para se recompensar ou fugir da responsabilidade.

Esse problema, que hoje é apresentado em várias palestras motivacionais, já foi há muito discutido no campo filosofia. Para o alemão Friedrich Nietzsche, por exemplo, mais importante que as nossas conquistas, são as nossas derrotas, pois são elas que nos fazem crescer de verdade. Indo mais além, é preciso que o ser humano se acostume com a ideia de que ele pode fracassar, mas saber que de nada adianta distorcer a realidade em busca de um falso conforto. É preciso encarar os problemas de frente. Para evitar os fracassos, entretanto, muitas pessoas criam crenças que servem como verdadeiras barreiras para a ação. Afinal de contas, ninguém erra se não tentar.

Cuidado com as crenças limitadoras

As crenças limitadoras são aquelas que preparamos, na maioria das vezes inconscientemente, para que seja criada uma zona de conforto. É mais fácil nos concentrarmos naquilo que não queremos e não somos, por exemplo, do que focar naquilo que realmente almejamos para nós mesmos. De uma forma objetiva, são pensamentos como “no Brasil, as pessoas honestas não prosperam”, “se pagar impostos, a empresa não sobrevive” ou, ainda, “não se encontram mais pessoas honestas para trabalhar”.

Muitas vezes, as pessoas sabem que essas afirmativas não são verdadeiras, principalmente diante dos inúmeros cases de sucesso apresentados, mas é mais confortável pensar dessa forma do que encarar pensamentos que vão te tirar da linha de conforto e podem, inclusive, te trazer novos problemas, o que é normal. É muito importante mudarmos a nossa postura diante dos desafios apresentados na vida e assumirmos nossas responsabilidades.

A importância de tomar as rédeas dos seus negócios

A primeira atitude é refletir, de forma racional, a respeito da sua atual situação e definir de forma clara os seus objetivos. Ao tirar toda a nebulosidade criada pelas crenças limitadoras, você se verá obrigado a se mover para descobrir como é possível tocar suas ideias para frente. Começar com uma boa organização, definindo metas realistas a curto, médio e longo prazo, pode ser a chave para começar a caminhar. Estudar, investir e trabalhar são simples atitudes que servem para 99% dos casos.

O mais importante, no entanto, é enfatizar que a palavra “superação” deve entrar no seu vocabulário a partir de agora, já que é inevitável que inúmeros obstáculos sejam apresentados durante a sua jornada para o sucesso. Se adotar uma postura positiva, certamente esse pensamento contagiará sua equipe e, desta forma, os resultados serão alcançados com maior facilidade. Não há recompensa sem esforço.

E você, conseguiu dominar as suas crenças limitadoras?

 

Altair Alves

Formado em Ciências Contábeis pela Universidade de Santo Amaro, especialista em gestão de pequenas empresas. Possui diversos cursos de extensão nas áreas de contabilidade, Marketing e empresarial. Diretor comercial da Soluzione Assessoria e Consultoria Contábil, Consultor Especialista em empreendedorismo, gestão, Marketing e Contabilidade para Micro, Pequenas e Médias Empresas.

Deixar um Comentário

*

*